Arquivo | Arte RSS feed for this section

Modelos Renascentistas ou Top Madonas?

13 fev

As top models vão além, e seus lindos rostinhos agora estampam revistas de arte. O pintor Italiano Francesco Vezzoli, seguindo os preceitos da pop-art explora o poder incontestável da cultura da mídia contemporânea para inspirar seus trabalhos.

O artista faz reinterpretações das pinturas de Madonas dos séculos XV e XVI de Giovanni Bellini, Leonardo Da Vinci, Sandro Botticelli, entre outros. Porém, suas madonas não são imagens beatificadas como as de seus precedentes históricos. As mulheres de Vezzoli são supermodelos contemporâneas como Claudia Shiffer, Tatjana Patitz, Linda Evangelista, Stephanie Seymour, Kim Alexis e outras.

Ao confundir as modelos com ícones históricos, Vezzoli ressalta o culto de figuras da sociedade da indústria da moda e celebridades. Um ponto pra refletir, assim como Andy Warhol já nos fez pensar sobre a sociedade do consumo.

A exposição, chamada “Sacrilégio” transformou a galeria Gagosian numa capela renascentista. A galeria localizada no bairro de Nova York que é o epicentro de arte de Manhattan exibe a exposição até o dia 12 de março. Os leitores do chá em NYC, reconhecidos pela Flag Traffic do blog aí, podem conferir a exposição, e quem tiver de passagem por lá também! Vale a pena.

Fotos: Galeria Gagosian

Lembretes Inusitados

11 fev

Quando tem que lembrar de alguma coisa ainda coloca uma fitinha no dedo? Imagina, agora existe lembrete de celular (rs). Mas Erin Hanson tem um modo bem diferente e criativo de anotar seus lembretes. A fotógrafa que vive em Austin, não deixou de registrar essa forma inusitada de lembretes e mostrar pra gente.

Para manter-se na linha, e ainda descolar um ensaio bacana, Erin usou um pouco de sua inspiração, tesoura, durex, algumas folhas de E.V.A, criatividade e uma câmera fotográfica.

Para saber um pouco mais sobre a fotógrafa que adora refrigerante, seus sapatos cor de vinho e recolher material que ela não precisa, acesse seu site

Toy by toy

19 jun

Usando o princípio da reciclagem o artista plástico londrino Robert Bradford transforma brinquedos quebrados em verdadeiras obras de arte. O artista já conhecido pelo seu modo de fazer toy art não é do tipo de pai que fica bravo quando os filhos quebram seus brinquedos, esses são as peças fundamentais para seu trabalho. Os pedaços de plásticos são milimetricamente dispostos e montados sobre armações de madeira.. Algumas chegam a usar partes de mais de 3 mil brinquedos. Crianças felizes as de Bradford, não?

Fotos: robertbradford.co.uk

Art & Moda

5 fev

pop_art_12

A arte já foi objeto de inspiração pra muitas coleções internacionais tipo, Prada, Dolce & Gabbana, Chloè, Louis Vuitton , MiuMiu e Anna Sui.  A combinação arte-moda mais famosa foi quando Pop art e Op (optical) art invadiram as estamparias tanto dos anos 60 quanto atualmente.

Os anos 60 foram os anos pop, marcado por um novo tipo de arte que tentava retratar com ironia a visão do dia-a-dia das cidades americanas, de uma sociedade de consumo que aceitava o meio de  produção em massa. Já falei aqui no blog um pouquinho de Pop art.

2930604990_e013ab7ac5

A Op Art é um pouco menos conhecida, ou melhor, comentada por que muita gente já viu mas não sabia exatamente que tipo de arte era ( meu caso :p ). Foi uma manifestação dos anos 20 que usava várias formas, quadrados, círculos, espirais e tals em diferentes cores e disposições pra criar uma ilusão de óptica. Acho o máximo, aqueles que você olha e pensa que o desenho esta girando e tals, hoje em dia é muito usado pra galera do psy e trance.

2929747585_de86ba5e19

 

2930605718_5856808170

 

2929748587_95ae1a1a68

 

2930606920_a784046ea3

This is not a fashion photograph

9 jan

chadasminas.wordpress.com_photographys

Vamos falar de fotografia (assunto que aliás nemm gosto né?!).

No no International Center of Photography as três primeiras exposições do ano acontecem simultaneamente no dia 16 de Jan. O fotógrafo americano Edward Steichen expõe suas fotos tiradas para publicações nas décadas de  1920 e 130.

A segunda mostra ja carrega um nome auto-explicativo This is not a fashion photograph. As photchenhas tem cara de calendário de moda, mas não são. Algumas photos são assinadas por nada mais nada menos do que Robert Mapplethorpe, Walker Evans e Tina Barney. Já Weird beauty: fashion photography now são imagens de revistas contemporâneas.

Pra quem quer saber mais entre site do International Center of Photography.

chadasminas.wordpress.com_photographys2

Pop art

7 jan

 

chadasminas.wordpress.com_pop_art

 

A maioria da galera que se interessa por arte é fã de pop art, e até quem não se interessa ja viu muitos quadros de pop art dando pinta por ai.

O movimento Pop art surgiu na década de 1920 com o objetivo da crítica irônica do bombardeamento da sociedade capitalista pelos objetos de consumo da época, mas só bombou mesmo a partir da década de 60. O precursor do movimento foi o nova yorquino Andy Warhol, um de seus quadros mais famosos que é o da Marilyn Monroe, estampa várias capas de comunidades do orkut. Andy também foi financiador e mentor intelectual da banda  The Velvet Underground (A-do-rO) e a sua bananinha por tanto protagoniza a capa de um dos CDs.

 

chadasminas.wordpress.com_pop_art_andy_warthol  

Outro pintor, e creio que o mais pop das pop arts é o Roy Fox Lichtenstein que faz uns quadros tipo história em quadrinho, com direito a onomatopéias e tudo mais. 

 

chadasminas.wordpress.com_pop_art_roy

%d blogueiros gostam disto: